Eu me preocupava bastante com o que queria ser quando crescesse, quanto ganharia ou se me tornaria alguém importante. Às vezes, as coisas que você mais quer, não acontecem. E às vezes, as coisas que jamais esperaria, acontecem. Você encontra milhares de pessoas e nenhuma delas te tocam, e então encontra uma pessoa, e sua vida muda. Pra sempre. — Amor e Outras Drogas.   (via repreendido)
Te disseram que você deveria ser uma boa pessoa, e fazer o melhor com o pior que recebesse dos outros. Te ensinaram o significado do perdão, olhar os outros com compaixão, saber se colocar no lugar de outrem. Te pediram pra que sempre mantivesse o sorriso estampado no rosto e a cabeça erguida, independente da força com que a vida te batesse. Te disseram que o melhor remédio após uma queda é levantar-se, e provar que é forte pra continuar seguindo em frente, por mais terrível que seja o terreno. Mas esqueceram de dizer que as pessoas gostam de quem tudo perdoa, e erram sem pensar duas vezes, magoam como se nada fosse mudar. Esqueceram de dizer que você irá se desculpar muitas vezes durante a vida, e nem sempre irão aceitar seu pedido de perdão. Poderiam ter te falado que ser a melhor pessoa em qualquer situação, te colocará numa sarjeta fria e escura, até você preferir estar morto. Esqueceram de dizer que levantar-se às vezes é loucura, e o melhor a se fazer é poupar-se de esforços inúteis, colocar as mãos na nuca e observar a imensidão do céu. Esqueceram de dizer que as pessoas estão sempre de partida, não disseram sobre a miséria, sobre os suicídios e a causa deles. Não disseram que continuar sorrindo pode ser mais doloroso do que derrubar até a ultima lágrima. Só te fizeram acreditar que o mundo seria melhor caso você também fosse, e nunca é. — Sean Wilhelm.  (via velejo)
Dessa vez estive muito perto de te esquecer. — Gabito Nunes.    (via velejo)
Acho que estou andando pra frente. Ontem ri tanto no jantar, tanto que quase fui feliz de novo. Ouvi uma história muito engraçada sobre uma diretora de criação maluca que fez os funcionários irem trabalhar de pijama. Mas aí lembrei, no meio da minha gargalhada, como eu queria contar essa história para você. E fiquei triste de novo (…) Quase consigo me animar com essa história, mas me animar ou gostar de alguém me lembra você. E fico triste novamente. Eu achei que quando passasse o tempo, eu achei que quando eu finalmente te visse tão livre, tão forte e tão indiferente, eu achei que quando eu sentisse o fim, eu achei que passaria. Não passa nunca, mas quase passa todos os dias. — Tati Bernardi.    (via velejo)
A gente vive de ilusões. — Pulp, Charles Bukowski.  (via velejo)
Nunca sinta muito. — The Walking Dead.    (via velejo)
theme